02/02/2009

Algar dos Alecrineiros

O Núcleo de Amigos das Lapas, Grutas e Algares (NALGA) acaba de publicar, no seu blogue, os resultados dos trabalhos que realizou no Algar dos Alecrineiros (-81 m). Esta cavidade situa-se no Planalto de Santo António, em pleno Parque Natural das Serras de Aire e Candeeiros (PNSAC), a norte do algar mais profundo conhecido em Portugal, um algar homónimo também designado por “Algar dos Alecrineiros Sul” (-220 m), para o distinguir daquele que foi alvo do estudo agora divulgado pelo NALGA. O estudo em causa trata-se da actualização, de trabalho já anteriormente apresentado ao público, de acordo com os dados recolhidos nas ultimas explorações
O conjunto de resultados agora apresentados consiste num pequeno resumo dos trabalhos efectuados nos últimos meses: topografia da cavidade, coordenada por Pedro Robalo, e um paper, da autoria de Paulo Rodrigues, sobre a espeleogénese da gruta.


[Foto: Algar dos Alecrineiros © NALGA (2008); parte da Carta Militar na escala 1/25 000, folha nº 318 - Mira de Aire (Porto de Mós), com a localização do Algar dos Alecrineiros e Algar dos Alecrineiros Sul (cortesia de Pedro Robalo)]

2 comentários:

nalga disse...

Olá Pedro
Este trabalho não foi realizado no algar mais profundo de Portugal (pelo menos por enquanto), é perto e partilha o nome. Foi o actualizar de dados recolhidos nas ultimas explorações que fizemos por lá (topografia e espeleometria). O algar dos -220m nós fazemos a distinção por "Algar dos Alecrineiros (Sul)".
Facto curioso, foi que soubemos da existência do outro algar(o dos -220m), por um comentário que os nossos companheiros do SSAC deixaram neste post em Maio de 2008.
Um grande abraço

Pedro Cuiça disse...

As minhas desculpas pelo engano e obrigado pelo reparo. Vou introduzir as devidas correcções.
Grande Abraço